Publicado por: Amália Sousa | Setembro 19, 2008

Carbono

O elemento químico mais interessante da Tabela Periódica, depois do Hidrogénio, é sem dúvida o Carbono.

O carbono é tão interessante que, sem ele não era possível a existência de vida, pelo menos do tipo que nós humanos conhecemos.

O  Carbono faz parte da constituição dos tecidos do corpo de todos os organismos vivos, aliás, estes tecidos são quase exclusivamente constituídos por Carbono combinado com Hidrogénio e Oxigénio.

As suas formas alotrópicas incluem, surpreendentemente, uma das substâncias mais frágeis e baratas (a grafite) e uma das mais duras e caras (o diamante).

O Carbono apresenta número atómico Z = 6,  por esse motivo a sua configuracão electrónica no estado fundamental não excitado é 1s2 2s2 2p2.

A existência de quatro electrões na última camada sugere a posibilidade de ganhar outros quatro, convertendo-se no ião C4- cuja configuração electrónica coincide com a do gás nobre Ne, por outro lado, se os perdesse, passaria a ião C4+ de configuração electrónica identica à do He.

Na realidade uma perda ou um ganho de um número tão elevado de electrões exigiria uma quantidade elevada de energía, e o átomo de carbono opta por compartilhar os seus quatro electrões externos com outros átomos mediante enlaces covalentes.

Essa possibilidade quadrupla de enlace que apresenta o átomo de carbono denomina-se tetravalência.

Os quatro enlaces de carbono orientam-se simétricamente no espaço, de modo que, considerando o seu núcleo situado no centro de um tetraedro, os enlaces estão dirigidos ao longo das linhas que unem esse centro com cada um dos seus vértices.

O átomo de carbono, devido à sua configuração electrónica, apresenta uma grande capacidade de combinação.

Por esse motivo, os átomos de carbono podem unir-se entre si formando estruturas complexas e ligar-se a átomos ou grupos de átomos que conferem às moléculas resultantes propriedades específicas.

A enorme diversidade dos compostos de carbono faz do seu estudo químico uma importante área do conhecimento puro e aplicado da ciência actual.

DIAMANTES

Vêr também :”Diamante de sangue

About these ads

Responses

  1. […] A divisão da Química em Química Mineral (ou inorgânica) e Química Orgânica (ou dos compostos de Carbono), mantem-se hoje apenas por uma questão de método de […]

  2. […] Uma grande parte dos compostos de carbono, encontra-se nas substâncias que constituem os organismos vivos (animais e plantas), ou nos […]

  3. boa tarde.
    Quero saber mais sobre pedar preciosas principalmente sobre diamantes negros e brancos.
    gostaria de saber como faço pra reconhcer um diamante nego e outras pedras.


Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Categorias

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: